Qaani vai ao Iraque para negar acusação sobre o Irã da tentativa de assassinato de Al-Kadhemi

Elijah J. Magnier

Trad. Alan Dantas
O comandante da Guarda Revolucionária Iraniana – Brigada Al-Quds, General Ismail Qaani, visitou o primeiro-ministro iraquiano Mustafa Al-Kadhemi em Bagdá. Qaani parabenizou al-Kadhemi por sua segurança após o assassinato frustrado, ou a “mensagem explosiva”, à qual ele foi exposto durante o ataque de três drones suicidas contra sua casa na “Zona Verde” mais vigiada da capital iraquiana. A visita de Ismail Qaani vem em meio a acusações de que grupos pró-iranianos do Iraque estariam provavelmente por trás do ataque fracassado contra a casa do primeiro-ministro iraquiano. Qaani visitou o Presidente da República Barham Saleh e outras autoridades políticas iraquianas para “confirmar a posição de apoio do Irã a al-Kadhemi e a grave ameaça à estabilidade do Iraque quando o primeiro-ministro, um aliado do Irã, está sob ataque semelhante”. Qual é a mensagem do general iraniano para os iraquianos, e quais são as verdadeiras preocupações do Irã?

Subscribe to get access

Read more of this content when you subscribe today.

Advertisements
Advertisements
Advertisements

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.